Palestra Fernado Anitelli (Teatro Mágico) na UFS

Naurêa e O Teatro Mágico no Camping Club [Cobertura do Evento]

O Teatro Mágico no Camping Clug [Divulgação e informações sobre a festa]

A convite do DCE da UFS, Fernando Anitelli , 34 anos, ator, músico, compositor e criador do projeto “O Teatro Mágico” esteve no salão do restaurante universitário dando uma excelente (eu gostei muito) palestra.

O tema da palestra foi: Juventude e Cultura. Nela Anitelli abordou de forma brilhante e bem humorada temas como produção independente, liberdade de expressão, papel da internet no trabalho dele, e mutos outros.

Neste vídeo é possível assistir a palestra completa de Anitelli na UFS. Vale a pena conferir, mesmo que de lado e no escuro(explico lá embaixo). Neste caso, o mais importante é o áudio.

[flashvideo file=”http://aamigos.com.br/wp-content/uploads/2009/Fernando-Anitelli-Palestra-UFS-Marco-2009.flv” /]

Neste outro vídeo está uma parte (fica um gostinho de quero mais da poxa) da bela canja que Anitelli deu depois da palestra . Porque só uma parte? Explico logo abaixo.

Explicação: Por puro problema de BIOMAN (Bicho Ignorante Operando Máquina Nova) cometi 4 erros. 1 – Filmei a palestra de lado; 2 – Filmei a palestra contra o sol; 3 – Filmei na resolução máxima, o que acabou me impedindo de filmar toda a canja por falta de memória; 4 – Dei zoom durante a filmage da canja três vezes sem saber que ao fazer isto o audio dava uma pequena pausa. Mas tirando estes probleminhas, ficou ótimo 😀

Fotos:

Cadê Dalila é eleita música do Carnaval 2009

‘Cadê Dalila’ é eleita música do Carnaval 2009 :::

Tiago Cruz

Foto: G1

A música ‘Cadê Dalila’ é a vencedora da pesquisa Bahia Folia 2009, promovida pela Rede Bahia com os foliões que curtem o Carnaval de Salvador. O resultado foi divulgado no início da noite desta quinta-feira (26).

Interpretada por Ivete Sangalo, a canção composta por Carlinhos Brown e Alain Tavares, recebeu 58,5% dos votos.

Em segundo lugar, com 30,1 %, ficou ‘Beijar na Boca’, que ganhou ritmo na voz de Claudia Leitte. A composição é de Blanch Van Gogh e Roger Tom.

Entre as músicas que participaram da pesquisa Bahia Folia deste ano estão ‘Cole na corda’, da banda Psirico, ‘Oya por nós’, de Daniela Mercury, ‘Flutuar’, de Chichete com banana, ‘É Amor’, de Araketu, e ‘Kuduro’, da banda Fastamão.

O folião pôde escolher a música do Carnaval de três formas: através da internet, na página do Bahia Folia, por telefone – através do call center da Bahia FM – , e também através de questionários aplicados na quarta-feira (25) por um instituto de pesquisa contratado pela Rede Bahia.

Fonte: IBahia

Vai buscar Dalila… vai buscar Dalila ligeiro
Vai buscar Dalila… vai buscar Dalila ligeiro
ligeiro, ligeiro, ligeiro….

Hem hem hem hem oooooo
Hem hem hem hem oooooo

Abaixo, uma pitadinha de Ivete no carnaval 2009 (fonte: G1 )

Ivete se apresenta para uma multidão de foliões no Campo Grande, no bloco Coruja – tradicionalmente o mais badalado do carnaval baiano. O trio elétrico da cantora, o Demolidor 3, custou cerca de R$ 2,5 milhões.

Os modelitos de Ivete Sangalo arrasaram neste carnaval. Inspirados nas “deusas”, as criações são assinadas por Patrícia Zuffa, estilista da cantora há dez anos. (Foto: Edgar de Souza/G1)

G1

Governador ‘carniça’

Irreverente, Ivete adotou mais uma vez sua “persona piriguete” para seduzir a multidão de adoradores. Durante as apresentações neste carnaval, ela não se cansou de soltar pérolas.

Nesta terça (24), sobrou até para Jacques Wagner. Ao passar pelo camarote que estava o governador, Ivete disse: “Jaquinho, cadê você Jacques Wagninho? Cadê você, carniça?”, arracando risos da maior autoridade da Bahia.

Em outra apresentação, a brincadeira foi com um policial militar. “Me chame de gostosa, me dê uma algema que eu faço uma bagunça”. O repertório de gracejos teve também essa: “entre quatro-paredes sou a Mulher-Gato”.

Nesta terça (24), ela já cantou sucessos de sua carreira como “Levada louca”, a nova “Cadê Dalila?”, além de músicas animadas como “País tropical”, de Jorge Ben Jor, “Toda boa” e “Cole na corda”, do Psirico, e “Avisa lá”, do Olodum.

Para provar que é mesmo a rainha do carnaval soteropolitano, a morena está usando um microfone banhado a ouro nas apresentações. O equipamento foi adotado pela primeira vez, no Festival de Verão de Salvador, no mês passado.

Veja abaixo fotos do Demolidor 3

Divulgação
Interior do trio de Ivete Sangalo é puro luxo. Cantora vai contar com TVs de LCD de última geração, home theatrer, 198 canais de TV a cabo via satélite, internet sem fio, ar condicionado, adega climatizada para vinho, geladeira, arara para figurino artístico, luz de cromoterapia (Foto: J.Vilhora/Divulgação/MB Produções)

Divulgação


Divulgação
Trio Demolidor 3 é feito de alumínio, consome menos combustível e tem 130 metros quadrados de palco. O trio possui aberturas nas laterais, na frente e na traseira, de onde saem caixas de som. Três geradores de energia são responsáveis pela energia para o som digital. São 300 auto-falantes, 128 drivers e mais de 340 mil watts de potência(Foto: J.Vilhora/Divulgação/MB Produções)

Divulgação

Divulgação

O novo Demolidor tem quatro banheiros (sendo um com chuveiro) e reservatório com dois mil litros de água (Foto: J.Vilhora/Divulgação/MB Produções)

Divulgação

Divulgação

Veja mais fotos do Demolidor 3 no G1

Boa Luz – Junção de Definições

Modo de fazer: Na batedeira coloque o turismo rural, acrescente o  zoológico e bata por uns três minutos. Depois coloque o melhor complexo aquático de Sergipe até formar uma massa homogênea. Por último ponha o circo, bata por mais 40 segundos na menor velocidade da batedeira. Despeje uma pitada de adrenalina com esportes radicais numa forma média e untada. Asse o pesque e pague em forno pré-aquecido em temperatura média por aproximadamente 40 minutos ou até dourar.  Por fim a cobertura é feita com os seguintes ingredientes: Passeio a cavalo, pedalinho, passeios históricos e ecológicos, visita a Pedra do Risco, chalés, restaurantes com comida nativa e, por fim, o passeio na gruta da pedra furada.

Isso definitivamente não é uma receita do Bolo gelado tão desejado por todos. È difícil aglomerar tudo o que o Hotel Fazenda Resort Eco Parque Boa luz tem para oferecer em um nome só. Não é a toa que é um dos locais mais bem falados do Estado como opção de lazer… Hoje em dia, com a grande concorrência, os hotéis e resorts oferecem várias opções de entretenimento diferentes, fazendo assim a alegria de todos a um custo realmente baixo.

Mas como surgiu a Boa luz?

Segundo o site da boa luz, um pioneiro empresário sergipano contou que em 1967 seu pai, um agricultor, recomendou-lhe a compra de uma fazenda de 7.000.000 m2, situada no município histórico de Laranjeiras, distante 15 km de Aracaju. Este pioneiro empresário ficou tão encantado com a beleza daquele imenso cinturão verde, coberto de pastagens, que não titubeou em fechar o negócio. Onze anos mais tarde esse pioneiro delegou a gestão da propriedade a seu filho, que ali agregou mais uma atividade, iniciando a criação de um plantel de cavalos da raça manga-larga marchador, fundando assim o Haras Boa Luz. Em 1981 foi inaugurado o Leilão Manga-larga Marchador com edições bi-anuais de grande sucesso. “Quem por aqui passava se encantava com a beleza local, então começamos a amadurecer a idéia de implantar um projeto de turismo rural”, explica o empresário. O projeto começou a se materializar em 28 de setembro de 1998, com o início da construção de um pesque-pague. Gradualmente, o empreendimento foi sendo dotado de novos atrativos como: piscinas, parque-aquático, hotel, restaurantes, zoológico, playground, mini-fazendinha, pedalinhos, passeios de charretes, passeios de trenzinhos e muito mais. Juntos, eles formam o Boa Luz Eco Parque Hotel, uma experiência pioneira que agrega aos elementos típicos do campo, atividades de lazer, diversão e entretenimento. Hoje essa experiência já se consolidou como um dos maiores atrativos do turismo nordestino.

Uma curiosidade:

A criação da logomarca boa luz, com dois cavalos empinando um ao lado do outro, não foi fruto do trabalho algum designer. O fotógrafo Laelson Menezes em 1975 conseguiu o improvável… Uma sequência de fotos com cavalos fazendo exatamente a posição da logomarca.

Opções de acomodação:

Ao longo dos anos a Boa Luz vem agregando mais e mais serviços. Acredito que um dos mais importantes para a Boa Luz seja o de hospedagem. Há várias opções de acomodações.

  • Chalés
    Se você quer realmente se sentir numa casa no campo, o Chalé é a melhor opção. É próprio para aquelas pessoas que gostam de uma rede na varanda e de ouvir o canto dos pássaros enquanto relaxa. Possui frigobar, ar condicionado e TV em cores.
  • Apartamento Standart
    Este apartamento é para quem deseja o conforto que só uma sofisticada casa de campo pode proporcionar. O apartamento standard é dotado de ar condicionado, frigobar, TV, tudo isto com o aconchego que faz o hóspede se sentir em casa. 
  • Apartamento Luxo
    O apartamento Luxo possui exclusivamente uma banheira de hidromassagem, para que depois de toda a diversão, o hóspede possa relaxar. Composto por frigobar, ar condicionado e uma vista paradisíaca.
  • Apartamento Master
    Possuindo uma vista privilegiada do complexo, o apartamento Master é para o tipo de hóspede que exige um pouco mais do hotel. Localizado estrategicamente de frente para o lago, proporcionando uma visão única do amanhecer e do entardecer.Como o apartamento Standard, conta com frigobar, ar condicionado e TV, para seu maior conforto.

No total, a Boa Luz dispõe de 46 confortáveis apartamentos e chalés, com ar-condicionado, telefone, mini-bar, TV via satélite e varanda. Além disto, existem duas confortáveis e luxuosas suítes ‘Bela Vista’, com TV de Plasma 42’’, cama King Size, mini-bar, Home theater, sala, ampla varanda com vista privilegiada para todo o complexo, ar condicionado e banheira de Ofurô.

O Hotel também dispõe de três restaurantes, bares, amplo estacionamento, piscina exclusiva para hóspedes, Parque Aquático, Sala de Jogos, Pesque-Pague, Charretes, Passeios a Cavalo, Lagos com Pedalinho, Esportes Radicais, Mundo dos Insetos e Vale dos Dinossauros, Maior Zoológico Particular do Nordeste com Animais Exóticos.

Day-use

Além da hospedagem, existe outra forma de conhecer a boa luz. É o famoso day-use que significa pagar para usufruir das 9 ás 16  horas de tudo que o hotel proporciona. É através do day-use que a maioria das pessoas conhecem a Boa Luz.
O passaporte day-use inclui visita ao zoológico, ao circo, ao haras, ao parque aquático, ao carro de bois, ao desfile de animais, ao salão de jogos, e também incluí o acesso ao material para pescaria e tour ecológico.

Valores:

  • R$ 35,00 por pessoa (Adultos)
  • R$ 17,50 (Menores com comprovação de documento de identificação)
  • R$ 0,00 (Crianças com até 6 anos não pagam)

Parque Aquático

Com certeza, uma das melhores coisas da Boa Luz é o complexo com doze piscinas, sendo sete com hidromassagem.  Integrados às piscinas existem vários toboáguas que costumam fazer a alegria de visitantes de todas as idades. Entre estes toboáguas, um dos que se destacam  oferece a opção das pessoas descem numa bóia muito grande. Particularmente achei  uma sensação muito boa. Existe  outro que se destaca também , mas é por um motivo um pouco insano. Trata-se de uma virada abrupta na ultima curva em que a pessoa tem a impressão que vai  ser arremessada para longe do toboágua. Muito bom mesmo para quem quer adrenalina. O parque contém 2 bares com toda a estrutura necessária para o cliente ficar tranquilo e curtir o dia.

Mas será que você vai passar o dia inteiro somente no parque aquático? A quem diga que sim. Mas são tantas opções que realmente é difícil usufruir plenamente, em apenas um dia, de tudo que a Boa Luz oferece.

Zoológico

É um dos mais completos do nordeste. Possui tigres, leões, lhamas, jacarés, zebras, avestruz e muito mais. São mais de 30 espécies de animais.

Vale dos Dinossauros e Mundo dos Insetos

São dois parques temáticos que exibem réplicas gigantes de dezenas de repteis e insetos, como mosquitos, aranhas, baratas, pulgas e formigas, entre outros. Entre os repteis pré-históricos existem velociraptors, branquiossauros, apatossauros e, é claro, tiranossauros. O tiranossauro, por exemplo, tem 16 metros de altura, já a formiga saúva é do tamanho de um ônibus. Vale a pena conferir.

Eventos

Por fim, o boa luz não é somente diversão. Você empresário têm a sua disposição um auditório muito grande destinado a eventos dos mais variados. A Boa Luz é dos poucos locais que oferece uma excelente estrutura para eventos com com uma vasta gama de opções de lazer. Em Sergipe, com certeza é o único.

Resumo das atrações:

  • Hospedagem
  • Parque Aquático
  • Bares
  • Restaurantes
  • Salões de Convenções
  • Zoológico
  • Circo
  • Haras
  • Carros de bois
  • Desfile de animais
  • Salão de jogos
  • Tour ecológico
  • Escaladas
  • Tiroleza
  • Touro mecânico
  • Giro Space
  • Cama Elástica
  • Pedalinho
  • Loja country
  • Pesque e Pague
  • Passeio a Cavalo
  • Passeio Histórico
  • Cavalgada Noturna

Trate de conhecer mais esse paraíso, pois vale a pena. E para chegar lá, como faz? Bom… A Boa Luz fica localizada no município de Laranjeiras, a quinze kilômetros do centro de Aracaju, mais especificamente no km 16 da BR 235. É a mesma BR que da acesso aos municípios de Areia Branca e Itabaiana. Uma opção é, partindo de Aracaju, pegar a estrada como se estivesse indo para Maceió,  depois pegue a estrada para Itabaiana… Pronto… É só seguir direto até chegar num placa placa enorme que anuncia a entrada da Boa Luz. Não tem erro! Chegando lá, é só passar o protetor solar e partir para o merecido descanso e/ou diversão.

Fotos:

Fonte: http://www.boaluz.com.br/

Por Danilo Cunha e Vinicius AC

A portabilidade chegou a Sergipe

No ultimo dia 19 de Janeiro chegou a Sergipe a Portabilidade

O que é portabilidade?

vivo-tim-claro-oi-operadoras-celular-brasil

Portabilidade é poder mudar de operadora e manter seu próprio número, ou seja, o consumidor vai poder usufruir dos serviços de uma nova operadora sem precisar mudar aquele número já conhecido por todos.
Para mudar de operadora algumas regras tem quer ser seguidas, como:

  • A migração só pode ser feita por números de mesma modalidade, ou seja, de fixo para fixo e de móvel para móvel, e dentro do mesmo DDD.
  • A solicitação da portabilidade deve ser feita na operadora que se deseja ir. Se o cliente é da operadora A e deseja ir para operadora B, ele deve entrar em contado com a central de atendimento da operadora B ou ir até uma loja da mesma e fazer o pedido, onde será preciso informar seus dados pessoais (nome, endereço, CPF, RG), o número do telefone e o nome da prestadora atual. O usuário receberá um número de protocolo da solicitação. O processo será realizado em até cinco dias úteis, com data e hora marcadas.
  • O consumidor deve respeitar o prazo e somente inserir o chip, que terá que ser novo,  da nova operado no momento combinado.  Caso o consumidor não respeite a data e hora estipuladas, a portabilidade não acontecerá. Durante a migração, o serviço poderá ficar indisponível por até duas horas.

Quanto custa?

As operadoras podem cobrar pelo serviço, porém a taxa não pode ultrapassar o valor estipulado pela Anatel de R$ 4,00. Se espera que, para atrair novos clientes, as operadoras arquem com esta taxa.

Quais as vantagens desta tal Portabilidade?

A manutenção do número na troca de operadora dará maior poder de negociação ao consumidor que atualmente pensa duas vezes antes de romper o contrato, para não abrir mão de uma linha conhecida.
A expectativa é que a implantação da portabilidade estimule as operadoras a tratarem melhor o cliente para não perdê-lo para a concorrência. Para isso, se esperam melhoras no preço, na qualidade dos serviços e no atendimento oferecido.

Veja o que diz o Instituto de Defesa do Consumidor (Idec): “a portabilidade numérica é extremamente positiva e, justamente por isso, precisa ser divulgado e explicado para os consumidores de maneira mais ampla. As pessoas precisam estar cientes sobre seu direito de mudar de empresa e manter o número. Assim, não serão mais reféns de quem não prestar os serviços de telefonia de modo satisfatório.”

Quais os problemas?

Com a portabilidade, fica mais difícil descobrir para qual operadora se está ligando, dificultando também o controle sobre os planos que oferecem vantagens para ligações para linhas da mesma empresa. Este fato é confirmado por uma pesquisa feita em setembro de 2008 pelo Idec (saiba mais aqui). Como forma de amenizar este problema, a Anatel permite que as operadoras utilizem de serviços para identificação do número para o qual se está ligando. Essa identificação pode ser feita através de um toque que identifique a operadora ou por envio de um torpedo gratuito para 150 com o número a ser consultado. As operadoras  também são obrigadas a disponibilizar gratuitamente em seus sites este tipo de consulta.

Dicas importantes:

  • Cuidados com os planos de fidelidade. Agora, mais do que nunca, as operadoras tentarão usar este subterfúgio para prender os clientes;
  • O cliente tem que possuir um aparelho que aceite o chip de sua nova operadora. Se o celular atual for bloqueado não vai dar pra mudar de operadora mantendo o mesmo celular, seja com ou sem portabilidade. As opções são: desbloquear o celular “velho” ou comprar outro aparelho;

por Luciana Lima e Vinicius AC

Lagoa Redonda – Travessura da Natureza

O melhor modo de entender a lógica da vida é saber definir e entender o significado das coisas. No entanto, a grande dificuldade é entender coisas muito complexas e abrangentes. Por exemplo: Pergunte a seus amigos o que é o amor. Fatalmente teremos respostas tão diferentes que não conseguiremos extrair em poucas palavras o significado do que é o amor. Isso acontece com a natureza. Podemos definir como: “‘Alguma coisa que não teve a intervenção do homem”. Muito simplista não é?? Pois é.

Quando tentamos entender como a natureza é grandiosa e como ela age, mais temos dificuldades de encontrarmos uma definição que seja simples e que cubra toda a influência que ela exerce em nossas vidas.  Um exemplo de como a natureza é traquina e muda os ambientes e a vida dos que vivem neles é LAGOA REDONDA.

Mas porque lagoa redonda é tão interessante assim? Para entendermos o significado deste local e o que a natureza fez com ele vamos falar um pouco sobre as dunas.

O que é uma duna?

Segundo a enciclopédia livre (Wikipédia), duna é uma  montanha de areia criada a partir de processos eólicos (relacionados ao vento). Dunas descobertas são sujeitas à movimentação e mudanças de tamanho, pela ação do vento. O vale entre as dunas é chamado slack, ou seja, dunas são montes de areia formadas pelo vento e pelo mar. Quando o vento sopra, leva a areia e com o tempo viram dunas. Dunas não precisam ser necessariamente grandes, muitas delas são bem pequenas.

Com isso, vemos como a natureza tem a capacidade de mudar a estrutura das dunas através do vento e formar lagos e lagoas com o passar dos anos. Lagoa redonda é simplesmente um local como esse.. Trata-se de dunas que se formaram com a ação do vendo vindo da praia… e formando uma lagoa de água límpida porém de aspecto avermemelhado e uma temperatura agradável, haja visto que no verão a temperatura da areia das dunas é muito alta.

Mas onde fica lagoa redonda? Será que fica em algum deserto nos Estados Unidos? ou na África? Não mesmo, fica bem mais perto. Fica aqui mesmo em Sergipe. Mais precisamente no município de Pirambu. Por sinal, fica a poucos quilômetros de Aracaju. Com a construção da ponte que liga Aracaju-Barra dos Coqueiros o percurso ficou menor do que ir pela BR. Em menos de 1 hora você já estará em Lagoa redonda. É só seguir pela SE 204, passar pela entrada da cidade de Pirambu, seguir em frente por mais cerca de 5 km para chegar  ao acesso de Lagoa Redonda à direita da estrada. Sobe uma pequena ladeira e entra à direita de novo em um pedaço de asfalto (não se iluda é apenas um pedaço – mas a estrada de barro chega a ser melhor do que o asfalto). Seguindo em frente, vai passar pelo povoado até chegar no riacho da Lagoa Redonda.

Chegando lá, temos uma boa surpresa: Como de costume, nesses locais paradisíacos temos um bar muito simples porém muito bom. Neste caso, o bar se chama ”Dunas Bar e Restaurante”, onde se servem pratos típicos da região. Se colocam até mesas no riacho onde você pode comer a vontade com a água em seus pés.

O passeio pode ser a pé pelo riacho. Quer malhar um pouco a perna? Suba a duna correndo. Além da duna ser grande a areia faz com que você gaste muita força pra subir rápido. Porém a vista lá de cima compensa o esforço. O azul do alto mar, o pequeno riacho serpenteando a paisagem, o branco das dunas e o verde da vegetação nativa… é de tirar o fôlego… e ficar na memória para o resto da vida. Se o horário do passeio for ao final da tarde ou de manhã cedinho, nos dias sem muito movimento, é possível ver sagüis e algumas aves nativas.

Vamos as dicas:  Qualquer época do ano é boa para ir. Nos meses mais chuvosos (de abril a julho) o riacho fica maior. Seria interessante um horário mais cedo até antes das 9h ou depois das 15h. Com o sol mais fraco e a possibilidade de admirar mais a beleza local. E se você for daqueles que levam toda a família para a famosa “farofa com areia e carne” , pode levar tranqüilamente seu churrasco e se deliciar com o local e toda a traquinagem que a natureza fez. Ainda bem 🙂

Segue fotos do local:

Crôa do Goré – Paraíso pouco explorado

Aracaju é a capital do menor estado do nosso Brasil. Quem não conhece bem pode ter a falsa impressão de que a mãe natureza não foi generosa com esta capital. Contudo, a história mostra que aqueles que descobrem as verdadeiras belezas naturais desta capital e gozam de todas as riquezas que estas proporcionam, sempre se apaixonam pela cidade.

Assim que chegam a cidade, os turistas perguntam nos hotéis quais são os pontos turísticos mais visitados. Entre as respostas para esta pergunta, invariavelmente é citado um lugar de nome um tanto quanto inusitado, chamado ”Crôa do Goré

Bem, mas do que se trata essa Crôa do Goré????

Apesar de um pouco estranho, o nome tem um significado interessante: “Crôa”, na verdade, é um banco de areia visível quando a maré está baixa. Já no caso do famoso goré, trata-se daquele caranguejo que se esconde na terra cavando com as patas.

Depois de saber o significado do nome desse lugar maravilhoso, o turista faz a pergunta crucial: ”Como chego lá?”

O percurso não chega a ser longo, principalmente para alguns turistas (principalmente os baianos rs) que costumam falar que aqui em Aracaju tudo é perto menos chegar na água da praia. Saindo do Aeroporto Santa Maria é só pegar a rodovia dos náufragos sentido mosqueiro até o entroncamento onde ancora a balsa que faz a travessia Aracaju – Mosqueiro. Daí é só seguir a placa na direção do local onde ancora o catamarã, pois é lá que existe a opção mais barata: São várias lanchas rápidas cobrando apenas R$ 8,00 ida e volta por pessoa, com cada lancha comportando 5 pessoas por vez. Se você quiser algo mais sofisticado poderá ir de catamarã, mas aí o preço sobe e a quantidade de pessoas aumenta para 45 no total.

Bem, chegando lá é só alegria. Em ambos os casos, a lancha ou catamarã agenda um horário para buscar o grupo de pessoas. Para quem tem pavor de maré subindo, não tem com que se preocupar, pois celular funciona e você pode entrar em contato em caso de algo dar errado. Resumindo: Não se preocupe, se divirta.

A grande jogada do bar flutuante é que quando a maré está subindo você pode desfrutar, com seus amigos, dos frutos do mar servidos pelo bar, com a água em seus pés chegando até seus joelhos. Os preços são muito baratos para um lugar turístico como esse e a variedade é incrível. Inclui desde caldinhos, passando por caranguejos, pastéis e até lagostas.

É muito relaxante e divertido. É um ótimo banho de rio, sendo que a água já está salgada, pois perto dali tem o encontro com o mar. É muito bom para levar a família e os amigos para um ótimo dia em contato com a natureza e tudo que nosso estado proporciona de melhor.

Abaixo temos algumas fotos desse paraíso:

O que é a Crôa do goré e onde fica localizada?

  • É um banco de areia visível quando a maré está baixa. Localiza-se na região do Mosqueiro.

Qual o significado desse nome?

  • “Crôa”, na verdade, é um banco de areia visível quando a maré está baixa. Já no caso do famoso goré, trata-se daquele carangueijo que se esconde na terra cavando com as patas.

Como Chegar la?

  • Saindo do Aeroporto Santa Maria é só pegar a rodovia dos náufragos sentido mosqueiro até o entroncamento onde ancora a balsa que faz a travessia Aracaju – Mosqueiro. Daí é só seguir a placa na direção do local onde ancora o catamarã

Os 10 maiores mistérios de 2008 (por Olhômetro)

10. Boate 00 na Gávea

Você é artista? Você quer polêmica e confusão? Cola na Boate 00 na Gávea. Todo mundo que se meteu em briga esse ano brigou na pista da 00. Marcelo Novaes tomou um soco de um desconhecido; Luana Piovani foi empurrada e Esme até enfaixou o braço. Será que existe algo no ar da 00 que deixa as pessoas agressivas? Teria a Boate 00 sido construída em cima de um cemitério indígena?

9. Os ETs que não vieram trazer a mensagem de amor

O viral começou a rodar na internet em setembro. Um vídeo dizia que uma vidente dos EUA teria entrado em contato com extraterrestres que disseram que dia 14 de outubro estariam passando por aqui. O boato se alastrou e todo mundo ficou esperançoso, mas ninguém veio. Claro que existe a possibilidade de os seres extraterrenos estarem vindo de um planeta com tempo de órbita muuuito mais comprido que o nosso. Vai ver 14 de outubro nem terminou ainda pra eles…

8. A morte de Dercy Gonçalves

Dercy Gonçalves

Tenho certeza que sua piada preferida sobre velhice/imortalidade incluía a Dercy (e a Hebe). Em julho, a Dercy contrariou todas as expectativas e nos deixou. Claro que isso é um grande mistério: não era algo que alguém esperasse para 2008. Nem para 2009. Nem nos próximos 20 anos, pelo menos. Os testes com Carbono-14, para determinar a real idade de Dercy, não foram feitos. Uma pena.

7. Sangue que brotava do chão em Jundiaí

….

….

….

Quer saber os outros 7?

Então visite este link: http://olhometro.com/2008/12/31/os-10-maiores-misterios-de-2008/

Sem querer deixar ninguém curioso, o 5, 4 e 3 são ótimos 🙂

Cartão Mais Aracaju – recadastramento

Desde o dia 1º, todos os estudantes matriculados em alguma instituição de ensino já podem fazer o recadastramento do Cartão Mais Aracaju. Para se recadastrar, o próprio estudante deve encaminhar a documentação exigida a  um dos postos de recarga.

CADASTRAMENTO

Basta clicar em CADASTRAMENTO e seguir as instruções

RECADASTRAMENTO

Para se recadastrar, os estudantes só precisam clicar no link RECADASTRAMENTO 2010. Depois, é necessário informar os dados pessoais e escolares solicitados, tais como o número do cartão Mais Aracaju Escolar, nome completo, número da carteira de identidade, endereço residencial e instituição de ensino em que estuda.

Após o envio desses dados, é preciso que o aluno dirija-se à escola para adquirir a declaração de autorização de recadastramento. Esse documento é importante, pois deverá ser apresentado no momento que o estudante for realizar a primeira recarga após o recadastramento.

Todos os procedimentos até a aquisição da declaração de autorização de recadastramento devem ser feitos de 1° de fevereiro a 31 de março. Porém, a primeira recarga após o recadastramento pode ser feita em qualquer tempo. Mas é obrigatória a apresentação da declaração citada acima juntamente com um comprovante de residência. Lembrando que o comprovante de residência tem que coincidir com o que foi informado pelo aluno.

Para os estudantes que não tiverem acesso à internet, o procedimento para o recadastramento também é bem simples. Basta comparecer à sede do SETRANSP e apresentar os seguintes documentos: cartão Mais Aracaju Escolar, comprovante de residência com fotocópia (em nome do estudante ou dos pais declarados) e comprovante de matrícula com fotocópia (anual, se for estudante do Ensino Fundamental e Médio; semestral, se for universitário, aluno de curso profissionalizante, pré-vestibular ou supletivo).

Informações sobre o Cartão Mais Aracaju Escolar poderão ser encontradas no www.maisaracaju.com.br ou pelos telefones (79) 3179-1406 e 3045-2550.

Confira os postos de recadastramento e recarga:

Postos de Vendas

SETRANSP (posto de recadastramento e posto de venda)
Rua “F”, s|nº | D.I.A
Telefone: 3045-2550
Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira – 8h às 17h

Ponto de Venda SETRANSP – (posto de recadastramento e posto de venda)
Rua Santa Catarina, 393
Siqueira Campos
Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira – 8h às 17h

Ponto de Venda SETRANSP – (posto de recadastramento e posto de venda)
Rua Estância, 171 | Centro
Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira – 8h às 17h

Terminal Leonel Brizola / Rodoviária Nova – (posto de recadastramento e posto de venda)
Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira – 8h às 17h

Terminal Atalaia – (posto de recadastramento e posto de venda)
Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira – 8h às 17h

Terminal Maracaju – (Posto de Recadastramento e Posto de Venda)
Horário de atendimento: Seg. a Sex. 08h às 17h

Terminal Fernando Sávio – (Posto de Recadastramento e Posto de Venda)
Horário de atendimento: Seg. a Sex. 08h às 17h

Terminal D.I.A – (Posto de Recadastramento e Posto de Venda)
Horário de atendimento: Seg. a Sex. 08h às 17h

CEAC – (posto de recadastramento e posto de venda)
Shopping Riomar
Horário de Atendimento:
Segunda a sexta-feira – 12h às 18h

IFS – Instituto Federal de Sergipe – (Posto de Recadastramento e Posto de Venda)
(antigo CEFET)
Horário de Atendimento:
Segunda a sexta-feira – 8h às 17h

Universidade Tiradentes – Unit – (Posto de venda)
Horário de Atendimento:
Segunda a sexta-feira – 9h às 21h

Universidade Federal de Sergipe – UFS / (Posto de venda)
Horário de Atendimento:
Segunda a Sexta-feira – 9h às 21h