Cobertura Projeto Verão 2009 – 12

PROJETO VERÃO – 12/02

Começa a edição 2009 do Projeto Verão, evento promovido pela Prefeitura Municipal de Aracaju. De início acreditava-se que a abertura se daria com a apresentação do cantor Lenine, mas para surpresa dos retardatários que estavam muito afim de ver o show do pernambucano a primeira banda a tocar foi a sergipana Sibberia. Como compositora do post de divulgação do evento, peço mil desculpas por não ter escrito nada sobre a Sibberia. Infelizmente as bandas sergipanas sofrem com a falta de divulgação do seu trabalho e a gente fica sem opções de fontes, digo isso num sentido generalizado. A noite começa agitada, a banda Sibberia se encarregou de mostrar ao público um pouco da qualidade musical que corre nas veias dos sergipanos. Seu repertório com músicas de artistas nacionais que fazem sucesso até hoje no ambiente rock/pop e algumas canções de trabalho do grupo foram envolvendo o público presente com o clima de festa.

Após a apresentação da Sibberia e um breve pronunciamento do vice-prefeito Silvio Santos, é a vez de Lenine subir ao palco e apresentar seu novo “filho”, como denominou o cantor e compositor o seu mais novo álbum Labiata. Martelo Bigorna foi a primeira canção a ser tocada. Aos poucos o público aumentava e se aglomerava em frente ao palco.  Lenine cantava música a música o seu novo CD e introduziu no repertório alguns sucessos mais velhos como Do It: “Tá cansada senta…” Assim diz a canção, mas o público presente não estava cansado.

Ansiosamente aguardado, o grupo Exaltasamba assume o palco pra encerrar a primeira noite de shows. Entre os incessantes convites para que o público participasse do bloco Exaltamaniácos no carnaval de Salvador, Péricles, Thiaguinho e Cia, colocavam a galera pra sambar, cantar e até arriscar alguns passinhos coreografados. Como sempre a banda não deixou a desejar. Exaltasamba esteve recentemente em Aracaju, na edição 2008 do Samba Aracaju em novembro passado, com tantas vindas à terrinha os meninos se sentem em casa. A recepção calorosa dos fãs sergipanos faz com que cada show do Exalta seja único e especial. Vou destacar o momento em que todos cantaram Tchau e Benção, eu tinha uma frase desta música no msn e quando falo em ‘todos’ me refiro a todo mundo presente: banda e público. Se alguém tiver algo pra contribuir, sinta-se à vontade.

Falando um pouco do evento em geral. A estrutura do palco e da tenda eletrônica estavam ótimas, acredito que seja uma marca dos eventos realizados pela Prefeitura. Assim como o pequeno intervalo entra as atrações. Numa visão ampla tudo correu na mais perfeita ordem no primeiro dia de shows. No ponto de vista mais detalhado, acredito que a segurança esteve um pouco falha em quantidade, mesmo com todos os postinhos policiais bem dispostos no espaço, vi muito pouco policiais circulando entre o público. SAMU e SMTT marcando presença e fazendo seu trabalho. Nota 10 para PMA, pela seleção musical e pela organização do evento. Nota 10 também pra galera que arrumou sua caixa térmica e se divertiu em paz. Parabéns a galera do edredon cheio de areia que percebeu que não tava com nada delimitar espaços nas areais democráticas do Projeto Verão (não sei se foi por isso ou pela areia, mas prefiro ser otimista e parabenizar)

Falar de coisa chata… Apesar de não ter presenciado nenhuma briga, ouvi rumores de confusão e vi alguns garotos com olho roxo e nariz sangrando. Aracaju é uma cidade bem jovem em termos de pessoas, pena que alguns destes jovens sujem a reputação da cidade tranquila e pacata em que vivemos. Isso é uma crítica ao comportamento de alguns garotos que saíram de casa com intenção de badernar. Na volta pra casa presenciei um ataque a dois jovens que seguiam sozinhos pelo calçadão, abordados e espancados por um grupo formado por uns dez adolescentes, aparentemente de idades entre 13 e 16 anos. O fato ocorreu logo após passarem duas viaturas da Polícia Militar em direção ao  local do palco. O pior é o sentimento de impotência que toma os espectadores por não poder fazer nada. Além disso, um jovem turista procurava desnorteado e aos prantos o hotel no qual estava hospedado com o endereço escrito num papel em mãos e o nariz sangrando, não sei ao certo o que houve com o garoto, mas o coração apertou. É um pouco difícil se posicionar em situações como esta, não sabemos se fugimos tomados pelo desespero e medo ou se encaramos, sentindo-nos super-heróis em potencial, por causa da indignação. Vai um conselho as autoridades: não ofereçam segurança somente no ambiente da festa, é bom se certificar de que os cidadãos eleitores ou não tenham um retorno tranquilo para casa. Aracaju não é mais “a menininha do nordeste”, assim como o lado bom do desenvolvimento, estamos adquirindo em proporção de cidade grande os problemas e o caos que antes só ouvíamos em noticiários. Fico me perguntando agora sobre o fim da busca do garoto turista e qual impressão ele tem da minha cidade depois do que deve ter lhe acontecido. Não acredito que eu tenha tão boas impressões, mesmo assim ainda recomendo.

Questionaram-me durante o show quem nós do AAmigos achávamos que éramos para avaliar os eventos que frequentávamos, pois bem, respondendo esta pergunta que considerei imbecil (e cujo autor não vou divulgar porque acho inconveniente), digo: Nós somos os clientes, o público, os beneficiários. Não adianta se enxergar somente a vertente daquele que promove, acreditamos_ e falo por todos do site_ que nossa opinião é das mais válidas porque somos usuários, pagantes ou não, e queremos nos satisfazer com o melhor. Nosso site não existe só pra registrar momentos, divulgar eventos e dar opções de entretenimento aos aracajuanos, sim para ser um espaço no qual a informação seja prioridade e a opinião pública encontre espaço para interagir em debates, discussões, ou para que o leitor se identifique com algo que sempre quis dizer e não encontrava espaço. Um forte abraço para quem lançou a pergunta, já tinha lhe dado a resposta, mas me achei no direito de exibi-la aqui.

Ops… Escrevi tanto, mas cadê as imagens?

O primeiro dia de evento não teve registro fotográfico do aamigos. Alguns imprevistos aconteceram e ficamos sem fotos. Vou contratar uma rezadeira pra benzer a galera aqui do site, acho que jogaram uma uruca na gente… Mas “fé em Deus que tudo irá se acertar”. O legal é que neste tipo de evento a galera vai de câmera em punho, sempre existe aquele no grupinho de amigos que está com sua ‘cam’ em mãos para registrar todos os micos e poses da galera. Por isso, abrimos espaço neste post para que aqueles que tenham fotos que considerem legais, engraçadas, etc., nos enviem através do e-mail contato@aamigos.com.br ou do formulário abaixo. Garantimos divulgação da autoria.

Promoção Fotógrafo VIP AAmigos

O AAmigo que enviar mais fotos do Projeto Verão 2009, seja por email ou pelo formulário acima, irá para o próximo grande show que ocorrer em Aracaju, seja ele qual for, como Fotógrafo VIP AAmigos.
Resumindo é o seguinte…. a entrada será por nossa conta.
É ou não é uma promoção destinada somente aamigos?
Dia 20 divulgaremos o nome do AAmigo VIP aqui no site.
As regras são:
1. Não é sorteio;
2. A contagem será de fotos publicáveis;
3. Publicaremos qualquer foto/texto da festa desde que não seja nitidamente repetitivo, ofensivo ou de baixa qualidade;
4. A promoção só vai rolar se a quantidade total(todas de todos os participantes somadas)  de fotos enviadas for maior que 50.
Exemplo: Se para os 5 dias de projeto verão, 5 pessoas enviarem 10 fotos cada(o equivalente a 2 fotos para cada dia), a promoção já tá rolando. Se quer mesmo garantir o prêmio? Envie 50 sozinho e pode comemorar, porque eu duvido que você perca. 😉 ;
5. Em caso de empate, o desempate será pela loteria federal;

Depois de tantas considerações, promoções, etc…, encerramos com alguns conselhos:

  • Ande sempre em grupos, pode não ser suficiente para evitar a malvadeza alheia, mas perambular sozinho ou mesmo em dupla te torna  vulnerável. Proteja-se!

  • Se for de carro, procure sempre estacionar em lugares seguros e ir em grupos. Convide aquele vizinho chato pra rachar combustível ou somente lhe ofereça carona, chame alguns amigos, você vai ver que vai valer mais a pena ter com quem procurar o carro se esquecer onde estacionou do que circular sozinho e indefeso por aí.

  • Se for de táxi, anote o número do taxista e combine com ele pra ligar pouco antes de sair. Ele vai ter tempo de terminar a corrida que provavelmente estará fazendo e depois vai te buscar no local marcado. Muita gente faz assim, por isso por vezes estendemos a mão para um táxi vazio e ele não pára.

  • Se beber, lembre-se das calçadas com pequenas elevações. Tinha muita gente ontem “despencando” na calçada do Hotel Jatobá. Pode ser engraçado para quem vê, mas deve ser nada bom para quem tropeça.

  • Divirta-se à vontade e esqueça essa história de confusão, mesmo este evento acontecendo todos os anos, se você não curtir este de bem com a vida, talvez o próximo não lhe proporcione os mesmo momentos pois a vida muda de curso segundo por segundo. Aproveite…

Disponibilizaremos aqui links de sites que estavam lá fazendo cobertura fotográfica.

Cobertura fotográfica:

http://www.aracaju.se.gov.br/agencia_de_noticias/index.php?act=galeria&codigo=113

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *